17/12/09

Há dias em que não me apetece levantar da cama.
Isto dos últimos dias de aulas aborrece tanto! Um dos primeiros pensamentos da manha, depois de 'só mais 40 minutos' (sim, porque o meu despertador toca das 7 às 7.40, sempre de 10 em 10 minutos) veio um 'é só mais um dia, despacha-te senão chegas tarde'.
A porcaria do sismo não me deixou dormir muito, ou seja, acordei com humor de cão! Para contemplar a manhã levei com dondocas autoritárias na primeira aula; a sorte delas é que eu fico calada. P.A.R.V.A. Acho que o problema delas é ninguém as contrariar, tem as vontadinhas todas feitas e é tudo como elas querem, e não compreendem que surgem outras coisas mais importantes do que certos caprichos...

Por muitas mais parvidades ditas ou sorrisos espontâneos, hoje não estava nos meus dias. ‘Ah mas andavas sempre na brincadeira’ pois, estou a passar ao lado de uma carreira artística e não sei. O que nos vai consumindo cá dentro só nós é que sabemos. É preciso é fingir que está tudo bem.
A época natalícia deixa-me assim. Não gosto disto, e agora? Não gramo o Natal a uns anos, dá me fernicoques.
É das boas alturas em que apetece dizer 'wake me up when "December" ends'...


(Ai credo! Pareço sei lá o que a escrever coisas tristes, yuck! Ca nojo!)

6 comentários:

D* disse...

"É preciso é fingir que está tudo bem." custa tanto e não faz bem nenhum... Mas força :)

Beijinhos **

Rockstar disse...

Yeaaah, férias! xP

Rockstar disse...

tens um desafio no meu blog ;D

Né # disse...

como eu te entendo rapariga :X
*

marta. disse...

de dondocas não gosto,nãooo :X

Maria Margarida disse...

D*: Não mesmo... mas pronto. Obrigada =')

Rockstar: Ui tão bom, ficar em casa a aturar putos... -.-' Já vou fazer o desafio, primeiro tenho que fazer o da D*'zinha ^^

Né #: Há que lhe chame crises de adolescencia. Eu cá digo que são crises da vida.

marta.: Ainda por cima são daquelas que tem a mania que tem razão em tudo e nao que partem um prato -.-