10/02/10

Foi uma bela ''beijoca''

A entrada da escola à hora de almoço é sempre um caos. Para além de ser pequena, os papás ainda teimam em esperar as suas crias lá mesmo a porta, de tal modo que so falta enfiarem os respectivos automoveis dentro do recinto. Há carros estacionados de todas as maneiras e feitios. E também há conduções que nem lembram ao coelhinho da páscoa. Chega mesmo a ser um desafio sair de lá ileso, tanto em danos materiais como pessoais, de tão labirintico que aquilo se torna ás vezes. É quase uma hora de ponta em plena cidade de Lisboa; a unica diferença é que o espaço é condicionado e os carros não são assim tantos.
Isto para dizer:
Minha rica Josefina, para a próxima dê uso aos espelhos que vêm no seu carrinho. Se está a tomar conta dos carros que estão ao seu lado, tudo bem, faz muito bem, mas não se esqueca que a sua viatura, não tem superpoderes e, não consegue atravessar obstaculos. Olhe pelo seu rectrovisorzinho antes de recuar, sim? Ou então vá ao oftalmologista, o meu carrito ainda não é assim tão mau de se ver, é grandito e tudo... Agora lá vai o carro para a oficina, espero que o seu seguro não demore a resolver lá todas as 'burocracias' e que não me faça levantar mais cedo da minha caminha para ir 'à la pata' para a escola.
A sua sorte foi não ter apanhado a minha mãe ao volante, porque se fosse ela, as coisas tinham corrido mal, muito mal. É que ela não tem muita paciencia para estas coisas.

1 comentário:

marta. disse...

passava-me com ela xD

boa sorte para o carrinho!